Arquivos de sites

O que esperar nas copas européias em 2012 ?

Sorteio das Copas Européias trouxe pouca emoção - Uefa.com

Após o encerramento da fase de grupos das copas européias, encerradas ontem com a última rodada da Europa League, a UEFA realizou os sorteios para os confrontos até as oitavas-de-final nesta manhã. A Champions League continua sendo minha competição favorita no futebol mundial, e apesar de ter apresentado boas surpresas com a eliminação das sobrevalorizadas “potências” britânicas de Manchester, sou obrigado a admitir que a fase de grupos tem sido muito sem graça há alguns anos, pois a diferença de qualidade entre os clubes é cada vez maior, com imenso vácuo entre uma meia dúzia de clubes e os demais. Barcelona e Real Madrid estão muito além dos rivais, e um pequeno segundo grupo composto por Bayern de Munique e os clubes ingleses e italianos acabam passeando contra os clubes do continente.

Com exceção do sempre azarado e, ao contrário do que muitos dizem, muito bem treinado Arsenal, que mais uma vez deu azar no sorteio, os confrontos da Champions criaram confrontos sem-graça, pois o Milan foi o único bom time que classificou-se em segundo lugar, já que teve o Barça em seu grupo na primeira fase. Fui surpreendido pelos fracassos dos times de Manchester e do Porto e acabei acertando apenas dez dos clubes classificados na minha previsão de agosto. Não devemos ter muitas surpresas na maioria dos confrontos, e acho que os classificados para as quartas-de-final, quando a competição realmente começa a pegar fogo, serão: Lyon, Chelsea, Milan, Bayern de Munique, Barcelona, Real Madrid, Benfica, Internazionale. Os franceses do Lyon continuam sendo os sortudos da UEFA, sempre pegando molezinhas e dando um jeito de avançar além de suas reais forças, especialmente neste ano que entraram pela porta dos fundos após os bizarros e suspeitos acontecimentos da última rodada, quando reverteram uma desvantagem de sete gols de saldo para os pipoqueiros do Ajax. Continuo achando que o Barça será o campeão, a não ser que enfrentem o Bayern na final, que será disputada em Munique, e neste caso representará uma imensa vantagem para os alemães.

A Europa League acabou sendo a principal beneficiada dos fracassos de grandes clubes na Champions, e o sorteio nos propiciou ótimos confrontos para as próximas duas fases, especialmente meu favorito entre Porto e Manchester United. Meus palpites para os oito quadrifinalistas é o seguinte: Olympiacos, Manchester City, Schalke 04, Brugge, Valencia, Anderlecht,  Atlético Madrid e Manchester United. Este caneco deve ficar em Manchester ou com os alemães do Schalke.

Anúncios

Previsões esportivas – Ligas domésticas européias

O atacante Cacau comemora um gol pelo Stuttgart - Getty Images/Uefa.com

A temporada do futebol europeu está começando (começou recentemente em alguns países, e se bobear nem começa na Espanha), e aqui vão meus tradicionais pitacos sobre as ligas, nos principais países do continente. Como não tive tempo de analisar detalhadamente a situação de todos os campeonatos, visitei o site de apostas Bwin, para verificar quem são os favoritos em cada um dos países, e a maioria dos clubes mencionados abaixo estão entre aqueles que pagam no máximo 10/1 em caso de título.

Itália

A temporada 2012 da Serie A TIM promete o início da recuperação da Juventus, sob comando do promissor Antonio Conte, algo muito positivo para o futebol italiano. Após anos de sofrimento, devido ao esquema de corrupção que causou a perda de títulos e rebaixamento para a segunda divisão, a Vecchia Signora começou a se levantar no ano passado e deve incomodar um pouco em 2012. Mesmo assim, não possui elenco para disputar o título com os rivais milaneses, que pouco se reforçaram mas continuam com times fortes, mesmo que sem grande brilho. A possibilidade de contratação de Carlitos Tevez pode significar o diferencial necessário para levar a Internazionale ao título com maior facilidade. Independente deste reforço, que no momento parece improvável, acho que a Inter não permitirá o bicampeonato do rival Milan, e retoma a frente com o título do italiano em 2012.

Alemanha

A Bundesliga, disparadamente a liga mais organizada e rentável da Europa, começou há três semanas e a maioria dos principais clubes já tropeçou nas primeiras rodadas. O bicho-papão Bayern de Munique e o atual campeão Borussia Dortmund são os favoritos no Bwin, muita à frente dos rivais nos odds, mas eu incluiria o Stuttgart e o Schalke 04 entre os candidatos ao caneco desta temporada, com Bayer Leverkusen (o São Caetano da Alemanha, sempre ficando com o vice) correndo por fora. Gosto muito do Dortmund e acho que podem dar muito trabalho na Champions League, pois contam com jovens craques, que vimos destruir o Brasil no amistoso da semana passada. Apesar disso, acho que o foco na Champions e a ressaca do título de 2011 impedirão o bi dos amarelos, deixando a briga para Bayern e Stuttgart, que conquistará o título de forma apertada.

Inglaterra

O campeonato inglês, que até uns 15 anos atrás sempre primou pela razoável quantidade de equipes em condições de brigar pelo título, tornou-se muito monótono nos últimos anos (desde a criação da Barclays Premier League), com o completo domínio de Manchester United e Chelsea, que alternam-se nas conquistas há um bom tempo. Liverpool e Arsenal, antes fortes candidatos, hoje estão claramente abaixo dos favoritos, e foram superados pelo Manchester City, que sempre foi o patinho feio da cidade, mas que vem recebendo absurdo investimento árabe e é disparado o clube que mais investe na contratação de jogadores no momento. A briga ficará entre os rivais do norte da Inglaterra, mas apesar do susto, os Red Devils do United sairão vencedores e conquistam o bi.

Espanha

O campeonato espanhol é uma verdadeira piada, pois é aquele cuja distância entre os dois candidatos ao título e os demais 18 concorrentes é um verdadeiro abismo. O Bwin paga mais de 40/1, caso o terceiro favorito (Valencia) seja campeão, e apenas 1.65 para a máquina do Barcelona atinja o tetracampeonato. O Real Madrid, que vem manchando sua hornosa tradição desde a contratação do inescrupuloso treinador José Mourinho, está logo atrás e paga 2.25 em caso de conquista. Apesar de sempre ter sido fã do Real, tenho tanto nojo do técnico português que torço até pelo Corinthians contra sua equipe. Caso a temporada da Liga BBVA aconteça, devido à greve que já gerou o adiamento do início da competição, vai dar Barça na cabeça, e ainda de quebra de forma invicta.

França

Outro clube que se beneficiou com a entrada de petrodólares foi o Paris Saint-Germain, principal clube da capital francesa, mas com pouquíssima tradição e sucesso no futebol. Os árabes abriram o bolso e, sob comando do diretor de futebol Leonardo, gastaram quase 100 milhões de dólares nesta temporada, sendo a principal contratação o jovem meia-atacante argentino Javier Pastore, que fez grande temporada no Palermo no ano passado. Pinta junto dos favoritos ao título, no campeonato que mais se assemelha ao brasileiro, devido ao grande equilíbrio e variedade de campeões, fato que não se repete nos vizinhos, onde ano após ano somos obrigados a ver os mesmos dois ou três concorrentes. De acordo com os sites de apostas, seus principais rivais na Ligue 1 serão os Olympiques (Lyon e Marselha) e o atual campeão Lille. Em homenagem a Leonardo e Raí (grande ídolo do clube), meu palpite ficará com os parisienses que chegarão ao terceiro título nacional, depois de 18 anos.

Portugal

Os sites de apostas que visitei nem colocaram odds para a Liga Zon Sagres, e com razão. O Porto foi campeão invicto em 2011, e mesmo com a venda do centroavante colombiano Radamel Falcão nesta semana, continuo um imenso favorito ao título. Seu arquirival Benfica sempre pode complicar, pois também possui um bom elenco, mas infelizmente o Sporting está muito distante, e nem deve incomodar mais uma vez. O Porto conquista o bi em 2012.

Aguardo os comentários e palpites dos meus amigos leitores.

Será que estamos vendo o melhor time de todos os tempos ?

Lionel Messi - fcbarcelona.cat

Acabo de assistir a mais uma exibição de gala do Barcelona. Em uma partida difícil, com falta de inspiração de alguns jogadores (especialmente Pedro, que aparentemente esqueceu de jogar bola no último ano), os catalães venceram o Athletic Bilbao por 2 a 1 no Camp Nou, e continuam firmes na primeira colocação do Campeonato Espanhol 2010-2011, cinco pontos à frente dos rivais do Real Madrid, e absurdos dezessete pontos na frente do Valencia, terceiro colocado. Em 21 partidas já marcaram impressionantes 73 gols, e com os 13 sofridos atinjem um saldo de 60 gols, quase três por partida. Mesmo em uma Liga Espanhola um pouco fraca, jamais vi algo parecido.

Escrevo isso em uma semana que o Barça empatou com o inexpressivo Sporting Gijón e perdeu para o Arsenal, pela UEFA Champions League, após uma série de 16 vitórias consecutivas. Mas independente dos resultados, quem assisti a um jogo dos catalães percebe que eles praticam um futebol único, jogando praticamente os 90 minutos no campo do adversário, e quase sempre com no mínimo 60% de posse de bola. E quero deixar claro que JAMAIS simpatizei ou torci pelo Barcelona. Há mais de 20 anos que torço contra eles, mesmo respeitando a tradição do clube em sempre privileiar o futebol bonito e ofensivo, o que me agrada muito.

Mesmo com toda esta rica história, minha impressão é que este time atual deixa todos para trás. Os resultados são incontestáveis e cada posse de bola é um momento mágico. Não dá pra deixar de assistir aos jogos do Barça !!! Ganharam do rival Real Madrid por 5 a 0 em novembro, num raro massacre em partida deste porte. E se quisessem poderiam ter ganho de muito mais. Este Barça ganhou tudo que disputou em 2009 e quase tudo em 2010, caindo na Champions League na semifinal contra a Internazionale, outro timaço que soube segurar o rival com perfeita armação de José Mourinho e muita raça de seus jogadores, e mesmo assim passaram por muito pouco. A seleção da Espanha foi campeã mundial, merecidamente, com sete jogadores do Barcelona entre os 11 titulares. E pela presença do argentino Lionel Messi, o melhor jogador do mundo, bem à frente dos demais, na equipe, torna-se muito superior aos vencedores da Copa do Mundo.

Vou continuar torcendo contra eles, mas também garanto que continuarei assistindo aos jogos do time, pois como amante do futebol, creio estar tendo a oportunidade de assistir ao melhor time de todos os tempos, esta é a opinião de muita gente que entende do assunto. Não vi a Hungria dos anos 50, o Brasil de 58 ou 70, o Real Madrid das décadas de 50 e 60 nem o grande Santos dos anos 60. Vi o grande Milan do final da década de 80 e início dos 90 e alguns outros belos times, mas sinto que minha conclusão está correta. O que vocês acham ?

%d bloggers like this: