Temporada de All-Star Games na NBA, NHL e NFL

Estrelas da NBA para o All Star Game - Rob Booth for ESPN.com

O final do mês de janeiro e começo de fevereiro oferece grandes emoções nas principais ligas americanas. Apesar do principal evento ser o Super Bowl, que será realizado neste próximo domingo, esta é a época onde realizam-se os All Star Games da NBA, NHL e da própria NFL. Devido ao grande desgaste físico causado durante as partidas, a temporada de futebol americano não descansa por volta da metade, para a realização deste jogo festivo, como ocorre nas demais ligas, incluindo a MLB, que realiza seu jogo das estrelas no início de julho, mesmo mês do jogo da jovem, ainda pequena mas cada vez mais relevante liga de futebol, a MLS.

O All Star Game original foi criado pela MLB, a mais antiga e tradicional liga americana, tendo sua primeira edição em 1933, no Comiskey Park em Chicago. O jogo é disputado entre jogadores das duas ligas, e a vantagem pertence à National League, com 41 vitórias e 38 derrotas para a rival American League. A NFL lançou seu jogo em 1938, e nos primeiros cinco anos a partida foi disputada entre o campeão da liga contra um time de estrelas. Parou por alguns anos e retornou com novo formato, em 1950, com partidas disputadas entre jogadores das conferências East e West até 1970, quando houve a fusão da NFL com a AFL, criando as conferências atuais, NFC e AFC. Desde 1979 o jogo é disputado em Honolulu, no Havaí, com exceção do ano passado, quando a liga tentou alterar o sistema e realizar o jogo no mesmo local do Super Bowl, mas sem sucesso. A vitória da NFC no último domingo deu vantagem no confronto, que agora está em 21 a 20 contra a AFC. A NHL teve jogos esporádicos em 1908, 1934, 1937 e 1939, até oficializar seu All Star Game em 1947. O formato alterou-se em dezenas temporadas, passando de um jogo entre os campeões e as estrelas, até divisão por conferências e nacionalidades. No jogo realizado no último domingo, a liga decidiu inovar e criou um jogo inusitado, mas que gerou muito burburinho e agradou aos torcedores. Após a eleição dos jogadores, os mesmos escolheram seis capitães, que na sexta-feira antes do jogo, selecionaram sua próprias equipes em um Fantasy Draft. O evento foi transmitido ao vivo na TV e foi um sucesso. Desta forma, os jogadores puderam montar suas equipes conforme suas preferências, e o resultado foi um jogaço no domingo, com placar de 11 a 10 para o time do capitão Nicklas Lidström, craque da defesa do Detroit Red WIngs, contra o capitão Eric Staal, pivô do time anfitrião da partida, o Carolina Hurricanes. A MLS possui um jogo desde sua temporada inaugural, em 1996, e conforma a NHL, teve diveross formatos. O atual, criado em 2003, é disputado entre um time de estrelas da liga contra uma equipe profissional do exterior, normalmente uma das principais da Inglaterra. São boas partidas que atraem muitos torcedores, para ver as estrelas da liga e os famosos jogadores europeus, em pré-temporada nos Estados Unidos. Em 2010 as estrelas sofreram sua primeira derrota, por 5 a 2 frente ao poderoso Manchester United.

Meu All Star Game favorito é o da NBA, por sinal minha liga favorita aqui nos EUA. O primeiro jogo ocorreu em Boston, no lendário Boston Garden, e o formato mantém-se intacto desde o início, com partidas entre os principais jogadores da Eastern e Western Conference. É o único jogo que tem um grande domínio de uma das equipes, com significativa vantagem de 36 vitórias contra 23 derrotas para a Eastern Conference. O jogo deste ano ocorrerá no dia 20 de fevereiro, no Staples Center em Los Angeles. Será uma grande festa e promete um jogo mais sério do que ocorre de costume, pelo espetacular talento dos times tirulares e o aumento das rivalidades na liga, devido à grande polarização que existe atualmente, com poucos times dominando os holofotes e a cobertura da mídia. O time titular do Leste é um assombro, talvez um dos melhores de todos os tempos. Derrick Rose, Dwyane Wade, LeBron James, Amare Stoudamire e Dwight Howard formam um time completo em todos os aspectos do jogo, principalmente no vigor físico e velocidade, tendo o único ponto fraco nos arremessos de longa distância. A equipe do Oeste terá Chris Paul, Kobe Bryant, Kevin Durant e Carmelo Anthony, e ainda não sabe o pivô, pois devido a mais uma palhaçada no processo eletivo da NBA, o chinês Yao Ming, que não joga há dois anos, foi eleito pelos seus compatriotas e terá que ser substituído pelo czar David Stern. A falta de pivôs é um sério problema no Oeste, e na minha opinião o escolhido para substituir o chinês será o espanhol Pau Gasol, excelente ala/pivô do time da casa, o Los Angeles Lakers. Este time seria outra máquina e pode fazer frente aos craques do Leste, especialmente pelas características e estilo de jogo diferentes, com melhor arremesso do perímetro e melhor habilidade para passes, mas sem um forte jogo dentro do garrafão.

Como acontece todos os anos, a escolha dos reservas causará polêmica e muita discussão sobre as injustiças. Nesta tarde os treinadores chamarão mais sete jogadores para cada lado (oito no Oeste, pelo problema de Yao). Aqui vão minhas escolhas pessoais, que certamente não baterão com as da liga: Eastern – Rajon Rondo, Joe Johnson, Paul Pierce, Josh Smith, Kevin Garnett, Andrew Bogut e Al Horford. Western – Deron Williams, Russell Westbrook, Manu Ginobili, Blake Griffin, LaMarcus Aldridge, Kevin Love, Dirk Nowitzki e Pau Gasol. Tenho certeza que veremos um jogaço, muitas enterradas e assistências espetaculares em Hollywood.

About maesano

Entrepreneur at heart, Brazilian living in Central Virginia, father of beautiful 5-year-old twins and married to the greatest woman on Earth

Posted on 03/02/2011, in Basquete, Beisebol, Esportes, Futebol Americano, Hóquei and tagged , , , . Bookmark the permalink. 5 comentários.

  1. Esqueci de dois que estao jogando demais: Zach Randolph e Rudy Gay. Colocaria no lugar do Nash e do Aldridge.

    Gostar

    • Sempre temos que deixar alguém de fora. No meu caso foi o Nash. Além desses do Grizzlies, o Oeste poderia ter o Nenê e o Ellis, peladeiro do Warriors.
      No Leste ainda poderíamos ter o Allen, que está rejuvenescido, o Bosh, under-the-radar em Miami e o Boozer.

      Gostar

  2. Esse lance da NHL foi muito legal! Confesso que vi o jogo, mas nao entendi o processo de divisao dos times e fiquei com preguica de pesquisar!

    Em relacao a NBA, tbm acho que o titular sera o Gasol.

    Meus reservas seriam:

    LESTE – Rondo, Pierce, Garnett, Horford, Felton, Josh Smith e John Wall

    OESTE – Griffin, Aldridge, Nash, Deron, Westbrook, Dirk, Love e Gasol

    (Praticamente sem wings meus reservas)

    Gostar

Comente

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: